Início Liga Benfica tem plano genial para contratar Keylor Navas

Benfica tem plano genial para contratar Keylor Navas

0
0
COMPARTILHE

O guardião tem contrato em vigor por mais dois anos com o Real. O Benfica planeia fazer um acordo até 2022. Ou seja, válido por três temporadas.

O Benfica ainda não perdeu a esperança de assegurar para a baliza um reforço de nível mundial e, depois de ter perguntado por Cillessen, do Barcelona – os catalães pediram 25 milhões de euros -, aposta tudo na contratação de Navas, do Real Madrid.

O Benfica continuará a tentar a contratação de Keylor Navas e espera conseguir realizar o negócio com o Real Madrid em moldes semelhantes aos que o FC Porto conseguiu, em 2015, contratar Iker Casillas.

De acordo com o jornal ‘O Jogo’, as águias tentam que ‘merengues’ e o guarda-redes acordem a rescisão de contrato, com o Benfica a assumir parte dos 10 milhões que Navas teria de receber até final de contrato com o Real.

Além disso, o Benfica promete um salário de 2,5 milhões de euros líquidos ao guarda-redes. Neste capítulo, o campeão nacional pretende ainda oferecer um significativo prémio de assinatura a Navas em vez do pagamento de cinco milhões de euros em salários anuais.

O Benfica entende que este processo poderá arrastar-se até perto do final da janela do mercado de transferências. Em Madrid, Keylor Navas, de 32 anos, perdeu a baliza para o belga Thibaut Courtois.

O Real Madrid comunicou a Keylor Navas que não contará com ele na próxima temporada, segundo o ‘As’. O guarda-redes costa-riquenho será titular na última partida dos merengues da Liga Espanhola, no Bernabéu, frente ao Bétis, para se despedir da equipa e dos adeptos.

Keylor chegou a Madrid em 2014, a troco de 10 milhões de euros proveniente do Levante. Fez a sua estreia contra o Elche (23 de Setembro), no ano em que dividia os postes com Iker Casillas.

Na temporada seguinte o guardião esteve de malas feitas para Manchester (United) no negócio que visava trazer De Gea para o plantel madrilenho, acordo que não foi consumado e o guardião ficaria assim como titular indiscutível dos merengues, após saída de Iker, que foi para o FC Porto.

Com a chegada de Courtois, já com Lopetegui no comando, o guardião costa-riquenho passou apenas a jogar na ‘Champions’ e mais tarde, com a chegada de Solari, Keylor só alinhava nos jogos da Taça. Com o retorno de Zidane, o guarda-redes teve uma segunda oportunidade como titular numa altura que coincidiu com a lesão de Courtois.

Contudo, a equipa de Zidane quer dar como fechado este capítulo. Refira-se que Keylor tem contrato até 2020.

Comments

comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here